PT Multimédia quer entrar nas comunicações móveis


 

Lusa/AO online   Economia   12 de Dez de 2007, 15:25

A PT Multimédia quer entrar nas comunicações móveis através do lançamento de um operador virtual, anunciou a empresa, no seu plano estratégico até 2010.
    O plano, divulgado através da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), prevê que a PT Multimédia desenvolva ofertas específicas para o segmento profissional e para pequenos negócios.

    A operadora liderada por Rodrigo Costa pretende investir no crescimento orgânico, mas não descarta “explorar opções de crescimento não orgânico”.

    Neste sentido, nota que a dívida líquida é idêntica aos resultados antes de juros, impostos, amortizações e depreciações (EBITDA) e que é possível tornar a estrutura financeira da empresa mais eficiente com uma dívida líquida que seja o dobro ou, mesmo, o triplo do EBITDA.

    No ano passado, o EBITDA da PTM atingiu os 213 milhões de euros e, nos nove primeiros meses deste ano, estava a crescer a um ritmo de 7,9 por cento.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.