PSI 20 apresenta contas mais depressa


 

Lusa / AO online   Economia   2 de Ago de 2010, 11:56

Cerca de 70 por cento das empresas cotadas no PSI 20 reduziu em 15 dias o prazo de publicação de contas auditadas, apesar de Portugal continuar no último ano lugar europeu deste 'ranking', segundo um estudo divulgado esta segunda-feira.
De acordo com um estudo da ValorGest em parceria com a PricewaterhouseCoopers, a Portucel e a EDP Renováveis são as empresas que apresentam as contas auditadas com mais rapidez, tendo a última subido 11 posições desde a última classificação.

Quanto aos prazos de publicação de resultados preliminares (não auditados), o prazo diminuiu, em média, cinco dias, com o BES a liderar essa lista, seguido do BPI e da Portucel.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.