Política

PSD propõe afectação à Saúde de aumento de receitas do IVA e IRS

PSD propõe afectação à Saúde de aumento de receitas do IVA e IRS

 

Lusa / AO online   Regional   29 de Jun de 2010, 15:30

A presidente do PSD/Açores propôs esta terça-feira a aplicação no sector da saúde dos 20 milhões de euros anuais que a Região deverá arrecadar devido à subida dos impostos IRS e IVA.
A afectação dessa receita ao Serviço Regional de Saúde (SRS) constitui uma maneira de “começar a resolver de forma construtiva e sustentável” o problema do seu “sub-financiamento crónico”, alegou Berta Cabral, depois de uma reunião com o Conselho de Administração da Hospital Divino Espírito Santo, de Ponta Delgada.

Para a dirigente social-democrata não é possível manter uma situação caracterizada pelo “empurrar para a frente uma dívida que já vem de há longos anos e que cada ano que passa é maior porque já se está a pagar dívida com dívida”.

Além da atribuição de mais verbas ao sector, a resolução dos problemas da saúde passa igualmente por uma “optimização dos recursos” das unidades do SRS e pela racionalização de gastos, admitiu Berta Cabral.

Só com esse tipo de intervenção será possível evitar “cortes cegos que ponham em causa a qualidade” dos serviços prestados, advertiu.

A presidente do PSD/Açores valorizou também o desempenho do Hospital Divino Espírito Santo sublinhando que, devido à inexistência de médicos de família para cerca de 80 mil utentes do SRS, as urgências hospitalares enfrentam elevados níveis de procura.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.