PSD/Açores manifesta "satisfação coerente" com intenção da Ryanair de voar para as ilhas

PSD/Açores manifesta "satisfação coerente" com intenção da Ryanair de voar para as ilhas

 

Lusa/AO online   Regional   18 de Set de 2014, 19:06

O líder do PSD/Açores manifestou a sua "satisfação coerente" por mais uma companhia aérea de baixo custo ter manifestado intenção de voar para o arquipélago, estranhando que o Governo Regional também o tenha feito.

 

No início da semana a companha de baixo custo Ryanair revelou a intenção de voar três vezes por dia para os Açores, depois do Governo da República aprovar o novo modelo de transporte aéreo para o arquipélago.

“Poderia eventualmente estranhar que o Governo Regional declarasse também a sua satisfação, porque como sabem o Governo regional nunca quis assumir a questão das ‘Low Cost’ e como sabem, também, foi por isso que demorou muito tempo a fechar essas negociações”, afirmou Duarte Freitas, numa conferência de imprensa em Ponta Delgada.

Na terça-feira, o secretário regional do Turismo e Transportes declarou que a intenção da Ryanair de voar para os Açores revela que o arquipélago é um “destino apetecível” e vem “demonstrar a urgência que há” na entrada em vigor do novo modelo de transporte aéreo para o arquipélago.

Para Duarte Freitas, o PSD pode declarar a sua “satisfação coerente” com a intenção de mais esta companhia aérea de baixo custo querer viajar para os Açores, porque “o PSD/Açores há muito que defende a abertura da rota com perspetiva comercial às companhias ´Low cost´”.

Os governos regional e nacional anunciaram em julho um acordo que liberaliza as ligações aéreas entre o continente e as ilhas de São Miguel e Terceira (abrindo assim a porta à entrada das chamadas 'low cost'), o qual assegura uma tarifa máxima para os residentes nos Açores nas viagens a Lisboa e ao Porto de 134 euros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.