PSD/Açores diz que haverá reforço das forças policiais na região em setembro

PSD/Açores diz que haverá reforço das forças policiais na região em setembro

 

Lusa/AO Online   Regional   28 de Ago de 2015, 07:29

O presidente do PSD/Açores, Duarte Freitas, assegurou na quinta-feira que haverá um reforço dos meios humanos das forças policiais no arquipélago no início de setembro.

"Posso anunciar (...) que a muito breve trecho, já no início de setembro, vamos ter um reforço das forças policiais nos Açores", afirmou Duarte Freitas, na quinta-feira à noite, na Calheta, ilha de São Jorge, durante a abertura da edição deste ano da Universidade de Verão do PSD/Açores.

Pouco depois, em resposta a questões dos jornalistas, Duarte Freitas escusou-se a avançar mais pormenores, limitando-se a dizer que "não vão ser providas todas as necessidades no mesmo momento, mas será um primeiro sinal".

"Um sinal já do empenhamento que existe da parte do Governo da República, do entendimento de que de facto é necessário reforçar as forças de segurança nos Açores", acrescentou.

Duarte Freitas criticou, por outro lado, o Governo Regional dos Açores, do PS, nesta matéria, ao afirmar que questões como esta da falta de polícias no arquipélafo não se resolvem "com cartas que se mandam para a senhora ministra e antes de chegarem à senhora ministra já etsão na comunicação social".

"Resolve-se com trabalho diário, muitas vezes com dificuldades, muitas vezes levando algum tempo. (...) É com este trabalho que podemos ir em fremte, não é fazendo das questões com a República arma de arremesso, mas sim tentando fazer ao máximo da República um aliado das causas dos Açores", afirmou.

Duarte Freitas atribuiu ao "trabalho" do PSD/Açores, "muitas vezes silencioso", junto do Governo nacional as "boas notícias" que têm chegado ao arquipélago este ano, enumerando a entrada das 'low cost' nas ilhas e a descida das tarifas aéreas para residentes na região, a baixa dos impostos e o reforço do efetivo policial que diz que será brevemente anunciado.

"Na oposição ja estamos a trabalhar assim, imaginem quando chegarmos ao poder em 2016", afirmou, depois de ter iniciado a sua intervenção dizendo que o PSD/Açores é hoje um partido "que está pronto para enfrentar os desafios do futuro, o maior dos quais é ganhar as eleições [legislativas regionais] de 2016".

O presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, enviou uma carta na semana passada à ministra da Administração Interna a pedir-lhe para reforçar de imediato o efetivo da PSP no arquipélago, onde faltam cerca de 200 polícias no quadro do comando regonal.

Vasco Cordeiro pediu a Anabela Rodrigues para serem autorizados todos os 30 pedidos de transferência para as ilhas de polícias açorianos que estão colocados no continente, sem prejuízo de se continuar a trabalhar para, "na brevidade possível", preencher todo o quadro com os 200 agentes em falta.

 

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.