PS "vitorioso" nos Açores

PS "vitorioso" nos Açores

 

Ana Carvalho Melo/Lusa   Regional   4 de Out de 2015, 23:12

O líder do PS/Açores, Vasco Cordeiro, disse que o resultado eleitoral alcançado na região "é uma grande vitória do PS, dos Açores e da autonomia, com um crescimento de 60 pontos percentuais", sendo "a primeira vez, desde 1976, que o PS é vitorioso nos Açores quando no país o resultado é diferente".

“Sai vitoriosa a defesa dos Açores na República e isso é motivo de satisfação”, disse Vasco Cordeiro, para quem “é importante que a mensagem dos açorianos nos votos seja deviamente entendida e respeitada” ao nível de competências e direitos.

O PS venceu as legislativas nos Açores, elegendo três dos cinco deputados por este círculo eleitoral, enquanto o PSD elegeu dois e o CDS/PP, que concorreu coligado com o PPM, voltou a falhar a eleição de um deputado.

Apurados todos os votos nas nove ilhas do arquipélago dos Açores, o PS obteve 40,37%, quando nas legislativas de 2011 atingiu 25,67%, o PSD que havia vencido há cinco anos (47,36%) alcançou agora 36,06%, o BE foi a terceira força política, atingindo os 7,81%, quando em 2011 teve 4,39%, o CDS-PP coligado com o PPM conseguiu 3,90% e a CDU (PCP/PEV) 2,47%.

A eleição do socialista Carlos César, que também é presidente nacional do Partido Socialista e presidente honorário do PS/Açores, significa um regresso à Assembleia da República, onde esteve como deputado entre 1988 e 1989.

Além de Carlos César (S. Miguel), que esteve nesta noite eleitoral ao lado de António Costa, em Lisboa, o PS elegeu pelo círculo dos Açores Lara Martinho (Terceira) e João Castro (Faial).


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.