Media/Governo

PS propõe 22 audições sobre exercício da liberdade de expressão


 

Lusa / AO online   Nacional   9 de Fev de 2010, 14:46

O PS apresentou esta terça-feira um requerimento na Comissão de Ética do Parlamento propondo que esta realize mais 22 audições sobre a liberdade de expressão em Portugal, que os socialistas consideram estar garantida.
Os directores do DN, João Marcelino, do JN, José Leite Pereira, da Rádio Renascença, Francisco Sarsfield Cabral, da TSF, Paulo Baldaia e o coordenador editorial da revista Visão são algumas das personalidades que o PS propõe que sejam ouvidas.

Os jornalistas Emídio Rangel e Óscar Mascarenhas e os provedores do Diário de Notícias, Mário Bettencourt Resendes, e da RTP, Paquete de Oliveira, também fazem parte da lista proposta pelo PS no seu requerimento, que será discutido e votado na Comissão de Ética na próxima semana.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.