Eleições Autárquicas

PS acusa gestão municipal de Ponta Delgada de ser incapaz de liderar

PS acusa gestão municipal de Ponta Delgada de ser incapaz de liderar

 

Lusa/AO Online   Regional   25 de Set de 2017, 13:44

O candidato do PS à Câmara de Ponta Delgada, Vítor Fraga, acusou hoje a gestão municipal, liderada pelo social-democrata José Manuel Bolieiro, de ser incapaz de “liderar os destinos do concelho”.


“Temos tido uma câmara municipal que, acima de tudo, anda a reboque, que não tem tido a capacidade de liderar os destinos do concelho, de assumir cada problema de cada munícipe no concelho como sendo um problema seu, procurando a sua solução”, disse o candidato, em declarações à agência Lusa.

O cabeça de lista, que se reuniu durante a manhã com a Associação Alzheimer dos Açores e a Associação de Pais e Amigos de Crianças Deficientes do Arquipélago dos Açores, considerou que o atual executivo “não tem tido a capacidade para, nas dificuldades, encontrar as oportunidades e colocar Ponta Delgada, efetivamente, a liderar os destinos da região”.

Vítor Fraga pretende ter uma Câmara Municipal de Ponta Delgada “mais ativa, que arregace as mangas, que trabalhe, fale menos e trabalhe mais, que lidere e deixe de andar a reboque”.

O candidato afirmou ter um “verdadeiro plano de desenvolvimento estratégico” e pretende, caso seja eleito, “ouvir com humildade os munícipes na perspetiva de encontrar as melhores soluções para os problemas do dia a dia”.

O candidato, que não é militante socialista, não quer o município “ao serviço de estratégias político-partidárias”, nem que “sirva de trampolim para outras ambições”, mas que seja o “porta-voz de todos os cidadãos deste concelho”.

“A câmara municipal tem que assumir a sua responsabilidade na concretização dos mais diversos projetos e na busca das soluções para os mais diferentes problemas que existem no concelho, quer estejam na sua dependência direta ou indireta”, declarou.

A pretexto da deslocação à Associação de Pais e Amigos de Crianças Deficientes do Arquipélago dos Açores, o candidato considerou que a autarquia tem tido uma “atitude completamente amorfa” na problemática, “limitando-se a atribuir apoios financeiros”.

Vítor Fraga acusa a liderança do executivo de “não ter uma visão de desenvolvimento para o concelho que possibilite que as pessoas portadoras de deficiência possam ter igualdade de oportunidades com os restantes cidadãos”.

São candidatos à Câmara de Ponta Delgada o atual presidente, José Manuel Bolieiro (PSD), Vítor Fraga (PS), Bruna Almeida (CDS-PP/PPM), Kol de Carvalho (BE), Rui Teixeira (CDU), Pedro Neves (PAN) e José Azevedo (Livre).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.