Natal

Portugueses preocupam-se com abuso do álcool dos condutores no Natal

Portugueses preocupam-se com abuso do álcool dos condutores no Natal

 

Lusa/AO online   Nacional   15 de Dez de 2011, 11:18

A maior parte dos portugueses que vão passar o Natal fora de casa percorre até 50 quilómetros, usa o automóvel e os que conduzem colocam o abuso de álcool no topo das preocupações, concluiu um estudo.
De acordo com a sondagem realizada pela GfK para a seguradora Zurich em sete países, 32% dos condutores portugueses que irão viajar no próximo Natal consideram o abuso de álcool ao volante a sua principal preocupação.

O consumo de álcool lidera a lista das preocupações dos inquiridos na maior parte dos países, como Espanha (com 33%), Rússia (30%), Áustria (22%) e Suíça (19%). Em Itália e na Alemanha, a maior dificuldade que os automobilistas denunciam relaciona-se com os congestionamentos de trânsito.

O objectivo do estudo foi recolher informação sobre a forma como as pessoas utilizam os meios de transporte durante o Natal (dias 24 a 26 de dezembro), face ao resto do ano.

Quando inquiridos sobre os comportamentos ao volante, 37% dos portugueses refere que a sua forma de conduzir não se altera nesta época. Contudo, pequenos grupos indicam que estão mais calmos (7%), mais irritados (6%) ou mais apressados (3%).

Dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, citados no estudo, referem que, até ao fim de Novembro, já tinham morrido 634 pessoas nas estradas portuguesas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.