Portugal tem que melhorar para poder ganhar na Albânia

Portugal tem que melhorar para poder ganhar na Albânia

 

Lusa/AO Online   Futebol   7 de Set de 2015, 08:41

Fernando Santos assumiu que Portugal teve muitas dificuldades em criar oportunidades de golo frente à França e que tem que melhorar para poder ganhar segunda-feira, na Albânia, em jogo de qualificação para o Euro2016 de futebol.

 

“Não criámos muito perigo, é um facto. Temos que melhorar. Quem quer ganhar, obviamente, tem que fazer golos, criar situações e rematar. Sem remates, não há golos. Temos que melhorar, seguramente, se queremos ganhar", afirmou Fernando Santos.

O selecionador nacional, que falava aos jornalistas na conferência de imprensa de antevisão do duelo com os albaneses, referiu que o cenário de uma possível derrota é algo que nem lhe passa pela cabeça e negou que tenha algum "medo" do ambiente vai encontrar em Elbasan.

"Quem tem medo compra um cão. Por acaso, até tenho quatro. Mas, não faz muito sentido ter medo do que pode acontecer ou do que vamos encontrar. Se assim fosse, nem estaria aqui", disse o treinador de 60 anos.

Fernando Santos tem consciência que vai ter pela frente uma Albânia "supermotivada", que está perto de um feito inédito, que é a qualificação para a fase final de um Europeu.

“É uma equipa que ainda não perdeu. É uma equipa agressiva, pressionado muito e trabalho muito. É uma equipa cínica que joga no erro do adversário. É possível vencer, mas vamos sentir muitas dificuldades", considerou.

Questionado sobre a ‘seca' de Cristiano Ronaldo, o selecionador luso mostrou-se confiante no regresso aos golos do ‘capitão’ já frente à Albânia.

"Se fosse outro jogador, todos achariam normal. São três jogos. Mas, como é o Cristiano Ronaldo, todos falam nisso. Ele está muito motivado e quer ajudar a equipa, marcar e ganhar", garantiu o selecionador.

Fernando Santos, que acha difícil que Portugal garanta já a qualificação direta com um triunfo sobre os albaneses, explicou ainda a razão que levou a seleção a não treinar em Elbasan, no palco do jogo, que fica a 50 quilómetros de Tirana, onde a comitiva lusa está instalada.

“Queríamos ficar em Elbasan, mas não foi possível. A equipa estava sujeita a uma hora de viagem para ir e outra para voltar, num caminho que não é fácil. Amanhã (segunda-feira), vamos cedo, porque não quero que os jogadores cheguem agoniados, como soube que aconteceu com outras seleções", disse.

Às 18:00, a seleção portuguesa de futebol realiza o último treino de preparação para o encontro com Albânia, no Estádio Qemal Stafa, em Tirana, recinto que fica junto à unidade hoteleira em que a comitiva lusa está instalada.

Os primeiros 15 minutos do treino serão abertos à comunicação social.

Portugal lidera o agrupamento de qualificação para o Europeu do próximo ano, que se vai disputar em França, com 12 pontos, mais um que a Dinamarca (mais um jogo) e Albânia, segundo e terceiro classificados, respetivamente.

O Albânia-Portugal, que se vai realizar na cidade de Elbasan, a cerca de 50 quilómetros da capital, está agendado para segunda-feira, às 20:45 locais (19:45 em Lisboa) e terá arbitragem do sueco Jonas Eriksson.

 

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.