Portugal e Timor-Leste organizam conferência conjunta em Lisboa em junho


 

Lusa/AO Online   Nacional   10 de Abr de 2015, 10:48

Portugal e Timor-Leste estão a organizar conjuntamente uma conferência bilateral conjunta, prevista para junho em Lisboa, que pretende aproximar os dois países e fomentar os laços comerciais e empresariais, disse o deputado Arménio Santos.

 

Arménio Santos (PSD) falava à agência Lusa em nome de uma delegação de deputados do Grupo Parlamentar de Amizade (GPA) Timor-Leste-Portugal, composta ainda por Antónia Almeida Santos (PS), Inês Teotónio Pereira (CDS-PP), João Ramos (PCP) e Helena Pinto (BE) e que no sábado termina uma visita de cinco dias a Díli.

Um dos objetivos principais do encontro de Lisboa, explicou, é "discutir as relações económicas entre os dois países", procurando aproximar as vantagens da inserção europeia de Portugal com as "especificidades e potencialidades” de Timor-Leste.

"Há espaço para estabelecer contactos, conhecimentos, parceiras, entre os empreendedores, empresários, dos dois países", disse.

"Queremos também proporcionar aos empresários timorenses e portugueses oportunidade para se conhecerem, discutir eventuais áreas de investimento e cooperação conjunta, com vantagens para os dois países", afirmou ainda.

Paralelamente a essa conferência, explicou, o objetivo é proporcionar a toda a delegação timorense que se desloque a Portugal contactos com os seus homólogos portugueses, sejam académicos, juventude, pessoas ligadas à cultua, empresários ou agentes políticos.

Na conferência de imprensa de balanço da visita, Arménio Santos explicou que a visita tinha como objetivos fundamentais transmitir aos homólogos timorenses "respeito e amizade e expressar ao povo timorense a amizade e fraternidade do povo português”.

Preparar com o GPA homólogo timorense a conferência prevista para 15 e 16 de junho e apresentar a proposta criação do programa "Pessoa", uma versão da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) do programa Erasmus, esteve também na agenda da visita.

Arménio Santos explicou que o encontro de Lisboa debaterá "a importância política e geoestratégica de Timor-Leste no contexto regional e no contexto mais amplo da CPLP" e permitirá reafirmar os valores de afinidade cultural e história entre os dois países.

Durante a visita a Díli, os deputados portugueses mantiveram reuniões com vários responsáveis do Governo, com as bancadas parlamentares e com o GPA homólogo além de reuniões com a cooperação portuguesa.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.