Crise

Portugal apresenta medidas de redução do défice aos ministros da Zona Euro


 

Lusa / AO online   Economia   17 de Mai de 2010, 11:23

Os ministros das Finanças de Portugal e Espanha apresentam esta segunda-feira aos seus homólogos da Zona Euro, reunidos em Bruxelas, as medidas decididas para acelerar a redução dos respectivos défices orçamentais.
A Comissão Europeia já se congratulou quinta-feira com o anúncio feito pelo Governo português sobre essas medidas, que também são tomadas para responder à pressão dos mercados internacionais.

Entre as medidas, negociadas com o PSD, estão o aumento das três taxas do IVA em 1 ponto percentual, a criação de uma taxa extraordinária sobre as empresas com um lucro tributável acima de dois milhões de euros de 2,5 por cento e a redução de 5 por cento nos salários dos políticos, gestores públicos e membros das entidades reguladoras.

O esforço adicional de Portugal e Espanha é considerado importante para acompanhar o pacote de medidas europeias decidido no início da semana passada para acalmar os mercados financeiros, nomeadamente a criação de um fundo de estabilização de 750 mil milhões de euros.

Mas os responsáveis das Finanças da Zona Euro irão também, na reunião que começa às 17.00 (16:00 de Lisboa), tentar encontrar uma explicação para o nervosismo que mercados internacionais continuam a ter em relação à moeda única europeia.

Os mercados financeiros fecharam sexta-feira com o euro a perder terreno em relação ao dólar norte-americano depois da moeda europeia ter tido alguns dias em alta.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.