Portas da Cidade voltam a ser local de celebração do 25 de Abril em Ponta Delgada

Portas da Cidade voltam a ser local de celebração do 25 de Abril em Ponta Delgada

 

Lusa/AO Online   Regional   25 de Abr de 2018, 15:32

As Portas da Cidade de Ponta Delgada voltam a ser hoje palco das comemorações do 25 de Abril, com várias atuações de grupos e músicos açorianos e uma intervenção sobre a paz.

“As Portas da Cidade sempre foram o palco onde se realizam as comemorações e continuamos a achar que efetivamente é o local de excelência, porque simbolizam a porta de entrada da liberdade”, disse Filipe Cordeiro, da Associação Promotora das Comemorações do 25 de Abril em Ponta Delgada, em declarações à agência Lusa. A associação organiza anualmente os festejos da Revolução dos Cravos na maior cidade dos Açores, com temas centrais para reflexão na sociedade açoriana. "Este ano o mote principal é a paz. Se o 25 de Abril foi um grito de liberdade que os miliares, por razões estruturais no seu próprio serviço, deram e que foi acompanhado pela população, em geral, assim a liberdade não é possível sem haver paz, que tão necessária é no planeta. E pretendemos chamar a atenção para uma questão fundamental que é a hipocrisia existente nos grandes países que falam tanto em paz, mas simultaneamente são estes mesmos países que ganham milhares e milhões de euros e dólares na venda de armamento aos beligerantes", sustentou Filipe Cordeiro. Segundo a Associação Promotora das Comemorações do 25 de Abril, a paz vai ser também o mote para uma intervenção a cargo do professor universitário Álvaro Borralho. "Queríamos chamar também a atenção para a distribuição da riqueza produzida, nomeadamente em Portugal e já para não falar a nível internacional", acrescentou Filipe Cordeiro, apontando para "um número cada vez mais restrito de cidadãos que estão a enriquecer desmesuradamente e um número cada vez maior de outros que estão a empobrecer". As comemorações em Ponta Delgada vão estar ainda centradas em duas áreas importantes também associadas ao 25 de Abril - o Serviço Nacional de Saúde e o Ensino. Filipe Cordeiro alertou para "as grandes convulsões que estão a existir nestas duas áreas, e nomeadamente na área da educação, em que deveria haver uma pacificação bastante significativa", porque "um país necessita de cidadãos esclarecidos para poderem decidir em consciência em devida altura". As comemorações do 25 de Abril nas Portas da Cidade iniciam-se às 15:00 locais (mais uma hora em Lisboa) e estão previstas atuações musicais. Os festejos encerram com uma atuação da Orquestra Ligeira da Câmara Municipal de Ponta Delgada.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.