População da UE cresce 3,5 por mil residentes de 2015 para 2016, em Portugal cai

População da UE cresce 3,5 por mil residentes de 2015 para 2016, em Portugal cai

 

Lusa/AO Online   Economia   8 de Jul de 2016, 11:12

A população da União Europeia (UE) aumentou 3,5 por mil residentes de 2015 para 2016, com Portugal entre os 11 Estados-membros que registaram uma quebra demográfica, segundo dados hoje divulgados pelo Eurostat.

Segundo o gabinete oficial de estatísticas da UE, a população total dos 28 Estados-membros estava estimada, em janeiro último, nos 510,1 milhões de pessoas, que compara com os 508,3 milhões do mês homólogo de 2015.

O maior crescimento demográfico foi observado no Luxemburgo (23,3 por mil residentes), seguindo-se a Áustri (11,4‰), a Alemanha (11,8‰), Malta (11,7‰), a Suécia (10,6‰), a Dinamarca (8,4‰) e a Bélgica (7,2‰).

As maiores quebras registaram-se na Lituânia (-11,3‰), na Letónia (-8,7‰), na Croácia (-8,2‰), Bulgária (-6,7‰), a Grécia (-6,0‰) e a Roménia (-5,6‰).

Em Portugal, a população caiu, de 2015 para 2016, 3,2 por mil habitantes, para os 10.341,3 milhões.

Os Estados-membros mais populosos da UE continuam a ser a Alemanha (82,2 milhões de residentes), a França (66,7 milhões), o Reino Unido (66,3 milhões) e a Itália (60,7 milhões), países que, juntos, representam mais de metade da população da UE. 

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.