Segurança

Polícia Municipal é "marco na história de Ponta Delgada"

Polícia Municipal é "marco na história de Ponta Delgada"

 

Lusa / AO online   Regional   6 de Ago de 2010, 18:01

A presidente da Câmara de Ponta Delgada, Berta Cabral, afirmou esta sexta-feira que a instalação da Polícia Municipal representa “um marco na história” do concelho, que passa a contar com "um corpo policial de intervenção cívica".
“Ponta Delgada assinala hoje um marco na sua história. Somos o primeiro concelho dos Açores e da Madeira a instalar um corpo de Polícia Municipal”, frisou a autarca social-democrata, que discursava na cerimónia de compromisso de honra dos 28 agentes, que iniciam actividade na segunda-feira.

Berta Cabral salientou que o novo corpo policial "não pretende substituir a PSP", mas, "em cooperação, contribuir para a manutenção da tranquilidade pública e para a protecção das comunidades locais".

“A acção da Polícia Municipal de Ponta Delgada reveste-se de uma componente preventiva e visa uma melhor conceptualização sobre autoridade, civismo, respeito e conduta, difundida através de um suporte pedagógico que elege a proximidade como forma de estar em contacto com as pessoas”, afirmou.

Na cerimónia, que contou com a presença do Representante da República para os Açores, Berta Cabral recordou que a criação de um corpo de Polícia Municipal foi um projecto "defendido pela autarquia desde 2001", concretizado "depois de muita insistência e persistência".

“Se, durante estes sete anos de compasso de espera, mostrámos que o poder local em Ponta Delgada tem a determinação necessária para levar adiante a qualidade de vida e a segurança das pessoas como bandeira da sua acção, hoje mais uma vez estamos a mostrar aos açorianos e, em especial aos nossos munícipes, que as nossas promessas não são vãs”, afirmou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.