PM critica PS por não discutir sustentabilidade das pensões antes das eleições


 

AO/Lusa   Nacional   14 de Dez de 2014, 14:19

O primeiro-ministro criticou este domingo o PS por querer discutir "só depois das eleições" a questão da sustentabilidade das pensões públicas e afirmou não perceber porque é que haver eleições daqui a dez meses "não permite" acordo sobre matérias estruturais.

 

Esta tarde, no encerramento do XXIII congresso da JSD, em Braga, Pedro Passos Coelho afirmou que "já se perdeu demasiado tempo" sem discutir as matérias que ameaçam a sustentabilidade da Segurança Social.

"Não compreendo porque é que o PS quer discutir isto só depois das eleições”, afirmou o líder do PSD, acrescentando que o facto de estarmos a dez meses das legislativas impeça que se possam tentar acordos “quanto a matérias estruturais importantes"



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.