Planeta-anão Ceres tem compostos orgânicos essenciais para a vida

Ciência /
Planeta-anão Ceres

502 visualizações   

Compostos orgânicos de carbono, essenciais para a vida, foram detetados na superfície do planeta-anão Ceres, revela um estudo que a revista científica Science vai publicar na sexta-feira.
 

O material orgânico, ainda não identificado com exatidão, ter-se-á formado no interior do planeta-anão, o maior corpo celeste da cintura de asteroides do Sistema Solar, localizado entre as órbitas de Marte e Júpiter.

Investigadores usaram informação recolhida pelo espectrómetro (instrumento que mede os comprimentos de onda das componentes de um espetro de radiação eletromagnética) da sonda norte-americana Dawn para estudar a superfície de Ceres, perto da cratera Ernutet, no hemisfério norte do planeta-anão.

Ceres tem compostos orgânicos considerados "ingredientes-chave para a vida", além de amoníaco, gelo e carbonatos (sais inorgânicos), segundo um dos autores da investigação, Simone Marchi, do Southwest Research Institute, nos Estados Unidos, citado num comunicado da instituição.

O planeta, que ter-se-á formado há 4,5 mil milhões de anos, contém água gelada nas regiões que permanecem sempre obscuras, de acordo com um outro estudo, publicado em dezembro na revista Nature Astronomy.

A presença de água no planeta-anão, mas sob a forma de vapor, foi confirmada pela mesma sonda em março de 2015.

A sonda Dawn, que se encontra na órbita de Ceres, foi lançada pela agência espacial norte-americana NASA em setembro de 2007.