PJ detém homem no Aeroporto de Ponta Delgada com 1,1 quilos de heroína no organismo


 

Lusa/Ao online   Nacional   18 de Dez de 2007, 05:25

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem, após desembarque no Aeroporto de Ponta Delgada, nos Açores, que transportava dissimulado no seu organismo 1,1 quilos de heroína.
Segundo adiantou a PJ, o detido, de nacionalidade guineense e residente na Área Metropolitana de Lisboa, ficou em prisão preventiva, depois de ter sido hoje sujeito a um primeiro interrogatório judicial.

    Na altura da detenção, o suspeito de tráfico de droga, 33 anos, adiantou às autoridades policiais que a sua deslocação à ilha de São Miguel estava relacionada com o recebimento de uma dívida.

    “Dadas as suspeitas existentes, viemos a constatar que havia fortes probabilidades de o mesmo trazer dissimulado no interior do seu organismo produtos de natureza estupefaciente”, explicou a PJ, em comunicado.

    Perante isto, o detido foi conduzido ao Hospital de Ponta Delgada, onde foram detectadas 81 “bolotas” de heroína, num total de 1,1 quilos, que estavam acondicionadas em plástico.

    A PJ adiantou, ainda, que esta investigação vai prosseguir, no sentido de apurar se este caso tem alguma ligação a outras redes de narcotráfico.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.