Somália

Piratas capturam navio de bandeira britânica


 

Lusa / AO Online   Internacional   2 de Jan de 2010, 10:23

Um cargueiro de bandeira britânica, Asian Glory, foi capturado por piratas somalis na noite passada, na costa da Somália, com 25 tripulantes a bordo, informou hoje o Governo britânico.

A fonte oficial afirmou que não há britânicos a bordo, mas não revelou a nacionalidade dos tripulantes.

No entanto, o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Bulgária confirmou que estão oito búlgaros a bordo do navio, que transportava automóveis de Singapura para Jeddah, na Arábia Saudita.

Segundo o armador, a empresa Zodiac Shipping, estão também a bordo ucranianos, romenos e indianos.

O navio foi capturado a 700 milhas da costa somali, de acordo com o capitão Prodan Radanov, presidente da filial na Bulgária do armador britânico.

Este é o segundo navio capturado este ano por piratas somalis, seguindo-se ao Pramoni, com bandeira de Singapura, sequestrado sexta-feira na zona do golfo de Aden, segundo disse à Lusa o porta-voz da NATO, comandante Santos Fernandes.

A operação de combate no caso do navio Pramoni decorreu, segundo o comandante Santos Fernandes, no âmbito da cooperação das forças internacionais contra a pirataria criada para a área e envolveu um navio norte-americano e outro russo, além de helicópteros.

"Infelizmente, o navio foi tomado pelos piratas", disse aquele responsável, que especificou que a bordo se encontram 24 tripulantes feitos reféns.

Segundo a mesma fonte, ocorreram 33 sequestros de navios nos últimos seis meses naquela zona, período em que o combate à pirataria na Somália esteve sob o comando de Portugal.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.