Justiça

PGR diz que "Portugal não é um país de corruptos"

PGR diz que "Portugal não é um país de corruptos"

 

Lusa / AO online   Nacional   27 de Mai de 2010, 11:43

O Procurador-Geral da República (PGR) garantiu esta quinta-feira que “Portugal não é um país de corruptos” e disse ser necessário repensar a forma de articulação entre os intervenientes na investigação criminal, privilegiando o diálogo entre todos.
Pinto Monteiro falava na sessão de abertura da Conferência "Combatendo o Crime na Europa", que decorre hoje e na sexta-feira em Lisboa, numa iniciativa do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP).

O PGR afirmou que para o combate efectivo ao crime é necessário “uma cooperação entre todos os intervenientes”: polícia, Ministério Público, entidades reguladoras, administração pública e local.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.