Pelo menos dois mortos em Itália após sismo de magnitude 6,2

Pelo menos dois mortos em Itália após sismo de magnitude 6,2

 

Lusa/AO Online   Internacional   24 de Ago de 2016, 07:20

Pelo menos duas pessoas morreram, esta madrugada, na sequência do sismo de magnitude 6,2 na escala de Richter que sacudiu o centro de Itália, informaram as autoridades, citados pelos media.

 

As primeiras mortes confirmadas foram um casal de idosos, cuja casa, em Pescara del Tronto, na região das Marcas, colapsou, segundo os meios de comunicação social italianos, incluindo a emissora pública Rai, que cita os 'carabinieri'.

O terramoto, que ocorreu às 03:36 (02:36 em Lisboa), a sudeste de Norcia, cidade da província de Perugia, na região da Umbria, teve o epicentro a dez quilómetros de profundidade, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica mundial.

O sismo foi seguido de diversas réplicas de 5,5 e 4,6 e 4,3, perto de Amatrice e de Norcia, e a principal, de 6, sentiu-se em Roma, a aproximadamente 150 quilómetros de distância.

O presidente da câmara de Amatrice, na província de Rieti, na região de Lácio, afirmou que “metade da cidade desapareceu” na sequência do tremor de terra.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.