Pelo menos 12 raparigas morreram ao fugir em pânico durante sismo no Afeganistão


 

Lusa/AO online   Internacional   26 de Out de 2015, 09:53

Pelo menos 12 raparigas morreram hoje e 35 ficaram feridas ao fugirem em pânico da escola durante o forte sismo que abalou o norte do Afeganistão, informaram as autoridades.

 

“As alunas correram para sair do edifício da escola em Talugan (capital da província de Takhar), desencadeando um movimento de pânico”, explicou o diretor do departamento de educação da província, Enayat Nawedd, à agência France Presse.

“Doze alunas, todas menores, morreram e outras 35 ficaram feridas”, acrescentou.

Um sismo de magnitude 7,5 na escala aberta de Richter foi sentido hoje no Afeganistão, Paquistão e Índia.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.