PDA recruta candidatos para as eleições regionais de outubro no Facebook

 PDA recruta candidatos para as eleições regionais de outubro no Facebook

 

Lusa/AO online   Regional   10 de Ago de 2012, 16:04

O Partido Democrático do Atlântico (PDA) está a recrutar pessoas para integrar as suas listas nas eleições regionais de outubro nos Açores através da rede social Facebook, usando a "criatividade" para contornar as dificuldades de financiamento.

"O PDA não tem fundos financeiros. Temos muita vontade de fazer coisas pelos Açores, mas infelizmente não se faz nada sem dinheiro", afirmou hoje Rui Matos, presidente do PDA, em declarações à Lusa, frisando que a falta de financiamento obriga o partido a ser "criativo".

Uma nota publicada na página do partido no Facebook avisa "todos os interessados e simpatizantes do partido" de que estão a ser formadas as listas para as eleições regionais marcadas para 14 de outubro, apelando ao contacto de "quem estiver interessado" em integrar as listas do PDA.

Rui Matos, que será o cabeça de lista por S. Miguel, revelou que a iniciativa já deu resultados positivos, especialmente por parte de pessoas das ilhas de S. Miguel e da Terceira.

"Temos muitos amigos e simpatizantes no Facebook. Esta foi uma maneira mais fácil de angariamos pessoas interessadas e simpatizantes nas outras ilhas, pois ainda não temos condições financeiras para me deslocar a todas as ilhas e fazer convites pessoalmente", frisou.

O presidente do único partido político nacional com sede nos Açores assegurou, no entanto, que "não será qualquer pessoa selecionada", frisando que existem critérios de seleção para a escolha dos candidatos a deputados regionais e a escolha final cabe aos membros do PDA.

Rui Matos salientou que o PDA pretende concorrer em todos os círculos eleitorais dos Açores e deve ter as suas listas fechadas até ao final de agosto, adiantando que decorrem atualmente negociações com um militante da ilha do Pico para encabeçar a candidatura.

"O PDA é único partido que está a concorrer nestas eleições com sede nos Açores, que não depende de qualquer partido na República", frisou Rui Matos, que se mostrou convencido de que o partido vai surpreender nas eleições regionais já que "os açorianos estão desiludidos com a governação do PS e PSD".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.