Pastelaria de Barcelos surpreende com bolo-rei com ouro comestível

Pastelaria de Barcelos surpreende com bolo-rei com ouro comestível

 

Lusa/AO online   Nacional   23 de Dez de 2012, 11:05

A pastelaria "O Regresso", em Barcelos, surpreendeu este ano a clientela com o chamado "Bolo-Rei de Ouro", que incorpora pétalas de ouro comestível de 23 quilates e licor de flocos de ouro e canela.

O estabelecimento é gerido por Manuel Mota, ex-deputado do PS na Assembleia da República, e pela irmã Rosário, formada em Direito, que agora apostaram na pastelaria, continuando um negócio iniciado pelo pai.

"Os olhos também comem", disse à Lusa Manuel Mota, um dos proprietários da pastelaria, para sublinhar que as pétalas de ouro funcionam como uma "tentação" para de alguma forma levar o cliente a comprar aquele bolo-rei.

Cada bolo leva quatro pétalas de ouro, que Rosário Mota, também proprietária da pastelaria, diz serem os "brindes" daquela iguaria típica da época natalícia.

"Mas lá dentro também vai a fava, que, por tradição, obriga a que quem a encontrar pague o bolo do ano seguinte", brincou.

Apesar do ouro, os proprietários de "O Regresso" garantem que o bolo "não é caro", ficando por 15 euros o quilo.

Destacam o "excelente sabor" do bolo, que tem ainda a particularidade de praticamente não levar frutos cristalizados, sobretudo para responder aos "estômagos" novas gerações.

"A única fruta cristalizada é maçã, cortada aos cubos. De resto, leva frutos secos inteiros, como avelã, noz, amêndoa, ameixa e cereja, além de vinho do porto e mel", explicou Rosário Mota.

A responsável disse que a procura tem sido muito boa e até já há encomendas para o estrangeiro, nomeadamente França e Alemanha.

Os proprietários enfatizaram ainda os benefícios para a saúde da ingestão de ouro comestível, que contribui para a eliminação de toxinas e tem um efeito antienvelhecimento da pele.

"É bom, é bonito, é barato e faz bem à saúde. São só vantagens", afirmou Manuel Mota.

Marca registada de "O Regresso", o Bolo-Rei de Ouro foi "trabalhado" durante seis meses, até chegar ao produto final.

Dentro de dias, as pétalas em ouro darão lugar a estrelas, cumprindo-se assim ainda mais o espírito de Natal.

"Os Reis Magos seguiram uma estrela e o principal presente que ofereceram ao Menino Jesus foi ouro", recordou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.