Partido Comunista Chinês confirma expulsão de dois antigos líderes

Partido Comunista Chinês confirma expulsão de dois antigos líderes

 

Lusa / AO online   Internacional   4 de Nov de 2012, 10:21

O Comité Central do Partido Comunista Chinês (PCC) confirmou a expulsão de dois antigos líderes, Bo Xilai e Liu Zhijun, acusados de corrupção e outras "violações graves da disciplina", anunciou hoje a agência noticiosa oficial chinesa.

 

A expulsão, decidida há cerca de um mês pelo Politburo, foi adotada no final da última reunião plenária do Comité Central antes do XVIII Congresso do PCC, que começa na quinta-feira em Pequim.

O plenário, de três dias, aprovou também a nomeação de dois generais, Fan Changlong e Xu Qiliang, para os cargos de vice-presidente da Comissão Militar Central e uma proposta de alteração aos estatutos do partido cujo conteúdo não foi revelado.

Bo Xilai, que até há poucos meses era um dos políticos mais populares da China, dirigia a organização do PCC em Chongqing, o maior município do país, com cerca de 33 milhões de habitantes e uma área superior à da Bélgica e Holanda juntos.

Filho de um antigo vice-primeiro-ministro e ex-ministro do Comércio, Bo Xilai não é visto em público desde março e, entretanto, a sua mulher, Gu Kailai, foi condenada à morte, com pena suspensa por dois anos, pelo homicídio de um empresário britânico.

Liu Zhijun foi ministro do Caminhos de Ferro até fevereiro de 2011 e era também membro do Comité Central.

O combate à corrupção "é uma postura política consistente do PCC" e "uma questão chave de grande preocupação para o povo", disse a Comissão Central de Disciplina e Controlo do partido.

A Comissão reconheceu, contudo, que se trata de "uma longa, complexa e dura batalha".

O XVIII Congresso do PCC vai escolher a liderança do país para a próxima década.

Xi Jinping, atual vice-presidente, deverá substituir o presidente Hu Jintao na chefia do partido, iniciando a ascensão ao poder da primeira geração de líderes nascida depois da fundação da República Popular da China, em 1949.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.