Parlamento Europeu aprova instalação de uma estação de Gás Natural Liquefeito nos Açores

Parlamento Europeu aprova instalação de uma estação de Gás Natural Liquefeito nos Açores

 

Ana Rafaela Edral   Economia   25 de Out de 2016, 17:04

O arquipélago dos Açores pode vir a integrar a rede europeia de abastecimento de navios com gás natural liquefeito

O Parlamento Europeu aprovou esta terça-feira, em Estrasburgo, um relatório que consagra a solução dos Açores como estação de combustível de Gás Natural Liquefeito (GNL) para abastecimento de navios das rotas marítimas transatlânticas.

A proposta partiu do eurodeputado socialista Carlos Zorrinho e contou com o apoio do eurodeputado açoriano Ricardo Serrão Santos.

Carlos Zorrinho refere que, dada a sua localização geográfica, os Açores podem funcionar como uma importante estação de combustível para as rotas transatlânticas.

Citado em nota de imprensa do seu gabinete, o eurodeputado português refere ainda que o gás liquefeito é uma componente importante para garantir a segurança energética e apoiar uma transição sustentável para um modelo energético baseado em energias renováveis e limpas.

Por seu lado, Serrão Santos destacou que este investimento não deve substituir os investimentos no desenvolvimentos das energias renováveis, sublinhando o deputado, no decorrer da sessão plenária, que o arquipélago dos Açores pode “constituir um ponto-chave no abastecimento de navios mercantes com GNL”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.