Parlamento discute hoje prorrogação extraordinária dos contratos de trabalho

Parlamento discute hoje prorrogação extraordinária dos contratos de trabalho

 

Lusa/Aonline   Nacional   2 de Dez de 2011, 07:34

O plenário parlamentar deverá aprovar hoje a proposta de lei do Governo que irá permitir a prorrogação extraordinária, pelo período máximo de ano e meio, dos contratos a termo certo que terminam em 2012 sem possibilidade de renovação.

A proposta de lei nº25/XII irá instituir um regime de renovação extraordinária dos contratos a prazo que atinjam o limite de renovações (três anos ou três renovações).

O Governo apresentou a proposta no final de setembro aos parceiros sociais, justificando-a com a necessidade de evitar que os contratos que expirassem em 2012, sem possibilidade legal de renovação, resultassem em mais situações de desemprego.

A proposta do Governo admite a possibilidade de duas renovações extraordinárias, pelo período máximo de 18 meses, dos contratos com prazo a terminar até 31 de dezembro de 2012 e que não podiam ser renovados por limites legais previstos no Código de Trabalho.

Para os contratos de trabalho temporário a termo certo é admitido o prolongamento da sua duração pelo período máximo de 18 meses para os casos em que até 31 de Dezembro atingiam o limite máximo previsto no Código de Trabalho.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.