Saúde

Ordem dos Médicos defende reorganização dos hospitais

Ordem dos Médicos defende reorganização dos hospitais

 

Lusa/AO online   Nacional   19 de Nov de 2010, 10:06

O bastonário da Ordem dos Médicos considerou esta sexta-feira que o relatório do Tribunal de Contas, que aponta falhas na gestão dos hospitais públicos, mostra que os serviços hospitalares devem ser “reorganizados para tratar doentes” e “não para dar lucro”.
“Deve-se reorganizar o sistema para aquilo que existe, que é tratar dos doentes. Os hospitais são organizações para tratar de doentes e não para dar lucro”, sublinhou Pedro Nunes.

O bastonário da Ordem dos Médicos reagia às conclusões do relatório do Tribunal de Contas, que enumera as falhas detectadas na gestão dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS), nomeadamente o facto da contratação externa de serviços médicos ter provocado um aumento na despesa na ordem dos 25,7 por cento, em 2008, assim como uma “gestão pouco criteriosa dos dinheiros públicos” ou os excessos no recurso aos ajustes directos

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.