Orçamento das Lajes das Flores aprovado no valor de 3,7 ME

Orçamento das Lajes das Flores aprovado no valor de 3,7 ME

 

Lusa/AO online   Regional   30 de Nov de 2017, 18:06

O orçamento para 2018 da Câmara Municipal das Lajes, nos Açores, no valor de cerca de 3,7 milhões de euros, foi hoje aprovado por unanimidade em reunião camarária, disse à Lusa o presidente da autarquia.


"O orçamento foi aprovado por unanimidade em reunião da Câmara Municipal, importa o valor na ordem dos 3 milhões e 777 mil euros. Há uma ligeira subida em relação ao ano anterior", disse Luís Maciel à Lusa, após votação do Plano e Orçamento autárquico para o próximo ano.

Em 2017, o orçamento aprovado pelo município totalizava 3,1 milhões de euros, menos 600 mil euros do que o previsto para o próximo ano.

Segundo o autarca florentino, que cumpre o seu segundo mandato à frente de uma das duas câmaras municipais da ilha das Flores, o orçamento "segue a linha dos últimos anos", com "prioridade" para o emprego.

"Nós tentamos apoiar, através dos programas do Governo Regional, situações temporárias de emprego e que possam permitir às pessoas entrar mais tarde numa situação melhor e mais definitiva no mercado do trabalho. Quer através do apoio que damos ao empreendedorismo, àqueles jovens que queiram ter iniciativas empresariais, empresas que se queiram fixar no concelho, também temos programas a esse nível, também temos apoio à economia local, aos principais setores da atividade como agricultura, pesca e turismo", afirmou.

Luís Maciel adianta ainda que o orçamento camarário não esquece o "apoio à área social" para ajudar "os extratos mais desfavorecidos" da população do concelho, que tem cerca de 1.500 habitantes.

"Temos alguns programas vocacionados para as famílias carenciadas, quer seja na área da habitação, melhoria da habitação degradada, o apoio aos medicamentos, o apoio com bolsas de estudo", disse.

O presidente da Câmara Municipal das Lajes das Flores refere ainda que "os maiores investimentos" serão feitos através de "financiamento comunitário", estando a aguardar aprovação de projetos candidatados ao "Pro-Rural" e ao "Po Açores 2020" que representam "entre 1 e 2 milhões de euros".

"Temos uma incubadora de empresas, temos alguns projetos de reabilitação urbana, no Centro da Vila, como um centro de acolhimento e um parque de lazer. Temos também um projeto de melhoria da rede de águas do concelho, portanto serão essas as grandes linhas de ação para o próximo ano", sublinhou.

Quanto ao orçamento aprovado hoje, "a rubrica que vai exigir mais esforço", na ordem dos 200 mil euros, será a referente "à pavimentação de estradas" das 7 freguesias do concelho das Lajes das Flores.

A 01 de outubro, Luís Maciel (PS) foi reeleito presidente da Câmara Municipal das Lajes das Flores com 63,77% dos votos (quatro mandatos), sendo que o PSD obteve 31,48% dos votos (um mandato).

O PS conseguiu também maioria na assembleia municipal, o que garante a aprovação do orçamento neste órgão.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.