Octogenária morre de ataque cardíaco depois de encontrar filha morta


 

Lusa/AO online   Nacional   24 de Nov de 2010, 16:25

Uma octogenária de Gondoriz, Terras de Bouro, morreu esta quarta-feira de ataque cardíaco depois de encontrar a filha de 50 anos carbonizada na lareira da cozinha.
Segundo contou fonte dos bombeiros de Terras de Bouro, a meio da noite a idosa terá dado conta que a lareira estava com uma fogueira muito grande, chamando o marido para ajudar a apagar.

Só depois de o fogo se extinguir o casal se apercebeu que lá se encontravam dois membros (um braço e uma perna) da filha de 50 anos que tinha por hábito deitar-se mais tarde e ficar frente à lareira.

Terão sido outros familiares a chamar os bombeiros por volta das 01:15, que quando lá chegaram encontraram o corpo carbonizado.

Aguardaram ainda uma hora pela chegada da GNR de Amares e só então se aperceberam que a octogenária, que entretanto se tinha deitado, havia entrado em paragem cardiorrespiratória.

Os bombeiros tentaram em vão reanimá-la e os cadáveres de mãe e filha acabaram por ser enviados para a morgue de Braga.

Desconhecem-se as razões que levaram à queda da senhora de 50 anos dentro da lareira.

O caso foi já entregue ao Ministério Público e está em fase de inquérito.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.