Obama quer "nova dimensão" nas relações entre EUA e África

Obama quer "nova dimensão" nas relações entre EUA e África

 

Lusa/AO online   Internacional   23 de Jul de 2015, 12:24

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, manifestou, esta quarta-feira, na véspera da sua visita a África, querer que as relações entre os Estados Unidos e o continente atinjam "uma nova dimensão".

 

"África é um lugar de incrível dinamismo, onde se encontram alguns mercados dos que mais crescem do mundo, pessoas extraordinárias, de uma resiliência excecional", declarou Obama numa receção, na Casa Branca, a diplomatas, responsáveis políticos e económicos, bem como membros de organizações não-governamentais africanas.

"É por isso que, como Presidente, trabalho arduamente para que as nossas relações com África alcancem uma nova dimensão", realçou, citando o aumento das exportações norte-americanas para o continente, o lançamento de iniciativas para desenvolver sobretudo o comércio, a saúde ou ainda a segurança alimentar.

O Presidente norte-americano sublinhou ainda que "as ligações com África nos Estados Unidos são evidentemente profundas, antigas e complicadas". "Por vezes há mal-entendidos e desconfiança. Mas quando se olha para todos os estudos (...) o povo africano ama os Estados Unidos e aquilo que representam. Talvez até de uma forma incomparável relativamente a outros".

E "o que é surpreendente é quando se vê que esse povo é mais feliz e mais otimista, (...) apesar da pobreza e dos conflitos", realçou.

Obama parte hoje para Nairobi (Quénia), pátria do seu pai, onde realiza a sua primeira visita na qualidade de Presidente dos Estados Unidos, antes de se deslocar à Etiópia, transformando-se no primeiro Presidente norte-americano a visitar o país.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.