EUA/China

Obama pediu a Hu Jintao uma taxa de câmbio que "respeite mais o mercado"

Obama pediu a Hu Jintao uma taxa de câmbio que "respeite mais o mercado"

 

Lusa / AO online   Economia   13 de Abr de 2010, 11:38

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, voltou a pedir segunda-feira ao seu homólogo Hu Jintao para fazer com que a moeda chinesa alcance uma taxa de câmbio que “respeite mais o mercado”.
O anúncio foi feito pela Casa Branca após um encontro entre os dois líderes.

Durante a reunião bilateral, pouco antes da abertura da cimeira sobre a segurança nuclear em Washington, Obama “reafirmou a sua opinião, segundo a qual é importante para uma retoma (económica) internacional sustentada e equilibrada, que a China adopte uma taxa de câmbio que respeite mais o mercado”, declarou aos jornalistas Jeff Bader, conselheiro da presidência norte-americana para os assuntos chineses.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.