EUA

Obama pede tolerância religiosa

Obama pede tolerância religiosa

 

Lusa/AO online   Internacional   10 de Set de 2010, 18:20

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu esta sexta-feira aos norte-americanos tolerância religiosa e lembrou que o inimigo do país é a Al-Qaida e não o Islão.
"Devemos evitar ficar uns contra os outros", declarou o Presidente, numa conferência de imprensa na Casa Branca na véspera do nono aniversário dos atentados terroristas de 11 de Setembro de 2001.

"Farei tudo o que for possível enquanto Presidente dos Estados Unidos para lembrar aos americanos que formamos uma nação sob o olhar de Deus e que chamamos Deus por nomes diferentes, mas continuamos a ser uma nação", afirmou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.