ONU

Obama considera declarações de Ahmadinejad "ofensivas e odiosas"

Obama considera declarações de Ahmadinejad "ofensivas e odiosas"

 

Lusa/AO online   Internacional   24 de Set de 2010, 18:51

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, considerou esta sexta-feira "ofensivas e odiosas" as declarações do Presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, na ONU sobre o possível envolvimento de Washington nos atentados terroristas do 11 de Setembro.
"É imperdoável ele ter feito essa declarações," frisou Obama numa entrevista concedida à BBC no seu hotel em Nova Iorque, salientando que as declarações de Mahmud Ahmadinejad foram "ofensivas" e "detestáveis", sobretudo por terem sido feitas em Manhattan, a pouca distância do 'groundzero'.

O Presidente iraniano evocou na quinta-feira, na sua intervenção na Assembleia Geral da ONU, uma "conspiração" norte-americana nos atentados do 11 de Setembro de 2001, tendo provocado a saída imediata das delegações dos EUA e da União Europeia da sala.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.