O Mar como oportunidade

O Mar como oportunidade

 

Luís Rodrigues   Regional   18 de Nov de 2010, 16:18

 As ilhas dos Açores são uma pequena parte de um vasto território marítimo. “Terra que o mar não quis”.
A força do mar fez da existência de quem por cá habita uma aventura exigente e incerta, mas providenciou as condições essenciais para a sua evolução e desenvolvimento.
O mar faz dos Açores o centro e tem um papel determinante na manutenção dos ecossistemas, dos recursos, na moderação do clima, fornece proteína, transporte, energia, emprego, divertimento e outras actividades económicas, sociais e culturais.    
Estamos num momento crítico da história, num período de crise, numa época em que a humanidade deve escolher o seu futuro. À medida que o mundo se torna cada vez mais interdependente e frágil, o futuro enfrenta, ao mesmo tempo, grandes perigos e grandes promessas.
O ritmo das mudanças está a ultrapassar a capacidade das ciências e da nossa capacidade actual de reflectir, avaliar e decidir.
Perspectivar, para os tempos que vêm, o alcance das relações entre os diferentes actores que interagem com o mar é, de momento, tarefa ingrata, dadas as múltiplas possibilidades de análise e, sobretudo, porque se tem vindo a alterar a nossa percepção e relação com o mar.
A biotecnologia, a aquicultura e pesca, a genética, a energia ou o desporto e lazer são algumas entre muitas possibilidades.
Não tenho dúvidas de que o mar constitui o maior recurso e, por isso, uma oportunidade para os Açores. Faz parte da sua História, da sua língua, da sua poesia. Basta-nos saber aproveitar.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.