Função Pública

Número de reformados cai 19 % até Setembro


 

Lusa / AO online   Economia   9 de Ago de 2010, 19:13

Até Setembro deste ano vão reformar-se 13.699 funcionários públicos, menos 3.206 pessoas do que há um ano atrás, segundo contas feitas com base nas listas da Caixa Geral de Aposentações (CGA) divulgadas esta segunda-feira.
Este valor significa uma quebra de 19 por cento no número de funcionários públicos que passaram nos nove primeiros meses deste ano para a reforma, em relação a igual período do ano passado.

Na origem desta quebra poderá estar a entrada em vigor, a 29 de Abril, das novas regras que aumentaram de 4,5 para 6 por cento a penalização aplicada às reformas antecipadas.

A Educação, que continua a ser o ministério que mais funcionários públicos perde para a reforma, sofreu uma das maiores quebras (43 por cento), para um total de 2.927 trabalhadores, menos 2.174 pessoas do que em igual período do ano passado.

Em segundo lugar surge o Ministério do Ambiente, que integra os trabalhadores das autarquias, com 2.080 aposentados a saírem nos nove primeiros meses do ano, menos 125 do que no ano passado.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.