Novo balanço das cheias na Colômbia aponta para 92 mortos

Novo balanço das cheias na Colômbia aponta para 92 mortos

 

AO/Lusa   Internacional   1 de Abr de 2017, 18:05

Pelo menos 92 pessoas morreram, 180 ficaram feridas e cerca de 200 estão desaparecidas devido a um deslizamento de terras provocado por cheias em Mocoa, uma cidade colombiana com 350 mil habitantes localizada junto da fronteira com o Equador.

 

"Temos 92 mortos e 180 feridos" e cerca de 200 desaparecidos, informou um diretor da Cruz Vermelha local, Cesar Uruena.

Segundo Carlos Ivan Marquez, diretor geral da Unidade Nacional para a Gestão de Risco de Desastres, a enxurrada ocorreu cerca meia-noite, na sequência de fortes chuvas, que levaram um rio a transbordar, e surpreenderam os residentes que dormiam.

Os serviços de emergência continuam a procurar sobreviventes, enquanto os balanços sobre o número de vítimas continuam a acrescentar mortos.

O presidente do país, Juan Manuel Santos, deverá visitar hoje a região afetada.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.