Novas inundações no Sul do Paquistão e população está a ser retirada


 

Lusa / AO online   Internacional   4 de Set de 2010, 13:22

Pelo menos três distritos do sul do Paquistão sofreram novas inundações nas últimas horas e as brechas nos diques de proteção puseram em perigo várias cidades de onde as autoridades estão a retirar cerca de meio milhão de pessoas.

A informação foi dada hoje pela ONU num comunicado, onde indica que os três distritos que “estão debaixo de água” se situam na província sudeste de Sindh.

Duas cidades - K.N. Shah, de 280 mil habitantes, e Mehr, de 190 mil – estão a ser evacuadas, podendo seguir-se Dadu, adianta o comunicado.

Entre 600 mil e 800 mil pessoas dos distritos em causa tiveram de abandonar as suas casas nos últimos quatro dias, segundo dados oficiais.

Mais de cinco semanas depois do seu início, as piores inundações da história do Paquistão, que já provocaram mais de 1700 mortos e afetaram 18 milhões, continuam a causar estragos à população, a grande parte da qual não chega a ajuda humanitária.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.