Nobel da Física atribuído à descoberta da expansão acelerada do universo


 

Lusa/AO online   Internacional   4 de Out de 2011, 11:02

A Academia Sueca distinguiu com o Nobel da Física o trabalho de três cientistas norte-americanos pela descoberta da aceleração da expansão do Universo através da observação de supernovas.
O prémio vai ser partilhado entre o professor da Universidade da California Saul Perlmutter e os professores universitários Brian P. Schmidt e Adam G. Riess, da Austrália e Baltimore, respectivamente

Saul Perlmutter é o responsável pelo trabalho "The Supernova Cosmology Project", desenvolvido pela Lawrence Berkeley National Laboratory da Universidade da Califórnia, a funcionar em Berkeley, nos Estados Unidos da America.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.