New York Times defende legalização da marijuana em editorial

New York Times defende legalização da marijuana em editorial

 

LUSA/AOnline   Internacional   27 de Jul de 2014, 14:06

O "The New York Times", um dos jornais de referência dos Estados Unidos, defendeu sábado em editorial a legalização da marijuana, comparando a proibição federal àquele estupefaciente com a Lei Seca.

No texto, o jornal defende que as leis relativas à marijuana são possuem um impacto desproporcional nos jovens negros quando a sua dependência é um “problema relativamente pequeno” especialmente em comparação com o vício do tabaco e do álcool.

O jornal recorda que demorou 13 anos para que o Governo terminasse com a Lei Seca e que os 40 anos de proibição da marijuana têm provocado mais danos à sociedade porque se proíbe uma substância menos perigosa que o álcool.

O "The New York Times" refere que o Conselho Editorial chegou a esta conclusão após várias discussões e que os custos sociais da legislação sobre marijuana são “grandes”.

Só em 2012, e citando dados do FBI, foram efetuadas 658.000 detenções por posse de marijuana – muito mais que as feitas por causa de heroína ou cocaína.

Os resultados são, para o jornal, negativos porque “são racistas já que recaem desproporcionalmente junto da comunidade negra, arruinando as suas vidas e criando gerações de criminosos de carreira”.

Ao defender a proibição de venda de marijuana a menores de 21 anos, o jornal defende que a “utilização moderada de marijuana não parece representar um risco para os adultos saudáveis”.

O editorial surge pouco depois do estado de Washington ter passado a vender há poucas semanas marijuana recreativa, o que permite à população adquirir o produto sem prescrição médica.

No início do mês, o governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, assinou uma lei que torna o estado o 23.º norte-americano a legalizar a marijuana para fins médicos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.