Museu do Pico inaugura exposição "Domingos Epifânio - Moageiro do Pico"

Cultura e Social /
exposição "Domingos Epifânio - Moageiro do Pico"

2165 visualizações   

O Museu do Pico inaugura quinta-feira, 11 de agosto, pelas 21h30, no Museu dos Baleeiros, nas Lajes do Pico, a exposição fotográfica e documental "Domingos Epifânio - Moageiro do Pico", que presta homenagem ao último e emblemático moageiro desta ilha.
 

Segundo nota do GACS, a exposição visa identificar, levantar e estudar uma atividade que se insere nas dinâmicas de salvaguarda do património cultural imaterial dos Açores, no âmbito das quais o Museu do Pico tem vindo a desenvolver trabalhos nas temáticas da construção naval, rendas e cestaria/vimes, entre outras.

"Domingos Epifânio – Moageiro do Pico" é um exercício de revisitação patrimonial sobre a nostalgia e o romantismo de um modo de viver que está a chegar definitivamente ao fim, sobre uma história de vida associada ao ciclo do grão e da farinha, com vista à preservação e divulgação dos saberes associados à moagem mecânica na ilha do Pico.

Domingos Belém Baptista, agricultor, pastor, maquinista, motorista, mecânico, vinhateiro, fruticultor, moleiro e moageiro, entre outras atividades, é a expressão da natureza da ilha.

Desconcertante, insubmisso, dotado de uma inteligência superior e de um apurado sentido crítico, Domingos Belém Baptista é uma personalidade e uma figura local apaixonante e arrebatadora, além de um extraordinário contador de histórias, zelando pela guarda de memórias que, em permanente desassossego, vai reinventando.

Com 88 anos, continua a picar a pedra, a baldear o grão e a temperar a farinha.

Na inauguração da exposição será apresentado um filme do realizador André Laranjinha sobre o homenageado, descendente de duas gerações de moleiros e moageiros do Pico,

A exposição estará patente até 30 de outubro, podendo ser visitada de terça a domingo, das 10H00 às 17H30.