Museu Carlos Machado expõe Registos e Maquinetas Devocionais

Museu Carlos Machado expõe Registos e Maquinetas Devocionais

 

Ana Carvalho Melo   Cultura e Social   29 de Abr de 2015, 19:10

O Museu Carlos Machado inaugura a 7 de maio, pelas 18h00, a exposição "Registos e Maquinetas Devocionais", com peças da coleção particular de Armando Cândido de Medeiros e um subnúcleo interno com expressões plásticas mais contemporâneas, da autoria de Sofia de Medeiros e Catarina Branco.

 

A exposição, comissariada por Pedro Pascoal e coordenada por Sílvia Fonseca e Sousa, estará patente até 19 de junho, no Núcleo de Arte Sacra do Museu Carlos Machado, em Ponta Delgada.

Armando Cândido de Medeiros, que viveu entre 1904 e 1973, a par da sua vida de magistrado e político, foi um ávido colecionador, do qual consta um conjunto notável de registos e maquinetas devocionais que agora será exposto ao público.

Os registos, que se destinam à contemplação e à oração e homenageiam Jesus, Maria e outras figuras da hagiologia católica, enquadram gravuras ou figuras tridimensionais e são decorados com flores artificiais, fio de prata e ouro, vidrilhos coloridos, entre outros materiais.

As artistas plásticas Sofia de Medeiros e Catarina Branco enriquecem esta exposição com obras da sua autoria, que trazem para a contemporaneidade o saber fazer de outras mãos femininas que, em tempos, confecionaram registos e maquinetas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.