Mulher mais velha do mundo morreu nos EUA aos 116 anos


 

Lusa/AO online   Internacional   5 de Dez de 2012, 08:40

Uma mulher considerada a pessoa mais velha do mundo morreu na terça-feira nos Estados Unidos, aos 116 anos, noticiou a AP.

Besse Cooper morreu num lar em Monroe, a cerca de 72 quilómetros de Atlanta, no estado norte-americano de Georgia.

O título de pessoa mais velha do mundo pertence agora a Dina Manfredini, com 115 anos, residente no Iowa, nos Estados Unidos.

Até à data o recorde de pessoa mais velha do mundo pertence a Jeanne Calment, uma francesa que viveu até aos 122 anos, segundo o 'Guinness World Records'.

Jeanne Calment morreu em 1997.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.