Moradores bloqueiam acesso a Maputo em protesto contra inundações

Moradores bloqueiam acesso a Maputo em protesto contra inundações

 

Lusa/AO online   Internacional   21 de Fev de 2018, 09:17

Um grupo de moradores nas imediações da estrada circular de Maputo bloquearam esta quarta-feira a via, um dos principais acessos à capital, em protesto contra as inundações frequentes e a falta de condições num bairro, disse fonte policial.

O bloqueio aconteceu na extremidade norte da Costa do Sol, durou "cerca de meia hora e foi resolvido de forma tranquila", referiu Orlando Mudumane, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Maputo.

Os moradores colocaram pedras e outro entulho nas faixas de rodagem e mantiveram-se no local, bloqueando o trânsito oriundo de Marracuene, subúrbios de Maputo, e que durante a manhã se dirige para a capital.

A PRM deslocou-se para o local, "apelou às pessoas que desbloqueassem a via e elas acataram" as indicações, referiu Orlando Mudumane.

Segundo explicou, apesar de não serem muito claras, as queixas estavam relacionadas com inundações e outras condições do bairro naquela zona.

"Está-se a trabalhar com os residentes para perceber a situação", concluiu.

A zona entre a circular e o mar, bem como outros locais que circundam a Costa do Sol, fica invariavelmente alagada durante longos períodos na época das chuvas, de novembro a abril.

A região sul de Moçambique, que abrange a capital, esteve sob chuva intensa desde o fim de semana, registando-se hoje um abrandamento na precipitação.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.