Milhares de agricultores brancos protestam contra violência racial na África do Sul

Milhares de agricultores brancos protestam contra violência racial na África do Sul

 

Lusa/AO online   Internacional   30 de Out de 2017, 17:22

Milhares de agricultores brancos bloquearam hoje várias estradas na África do Sul em protesto contra a violência que atinge a comunidade e que deixou centenas de vitimas nos últimos anos.


Vários encontros sob o mote 'Segunda-feira negra' foram realizados em muitas cidades sul-africanas, como a Cidade do Cabo, Joanesburgo ou Pretória, com os manifestantes a vestirem-se de preto para prestar homenagem às vítimas dos ataques agrícolas.

Em Pretória, no monumento de Voortrekker, que celebra a identidade dos 'afrikaners' - os descendentes dos primeiros colonos europeus - foi realizado um minuto de silêncio pelas vítimas.

As tensões raciais permanecem elevadas na África do Sul, onde a minoria branca possui a maioria das principais propriedades agrícolas, 23 anos depois da eleição do primeiro presidente negro do país, Nelson Mandela.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.