Mercado de arrendamento regista primeiro abrandamento em novembro

Mercado de arrendamento regista primeiro abrandamento em novembro

 

Lusa/AO Online   Economia   27 de Dez de 2012, 06:15

O mercado de arrendamento mostrou em novembro os primeiros sinais de abrandamento neste ano, depois de beneficiar da queda de compra e da venda de imóveis, segundo um relatório do setor hoje divulgado.

O relatório Portuguese Housing Market Survey do mês passado, produzido pela empresa de inquéritos RICS e pela Confidencial Imobiliário (índice que recorre à informação disponível no portal LardoceLar.com, com mais de 1.400 empresas de medicação imobiliária), mostra que a procura para arrendamento “desceu ligeiramente em novembro e a oferta também estabilizou”.

Porém, o relatório sublinha ser cedo para indicar novembro como uma “verdadeira inversão na tendência”, mas alerta para a deterioração contínua dos indicadores.

O valor das rendas continua a decrescer, assim como os valores do mercado de venda, em que diminuem as transações e os preços.

Em novembro, 72% dos respondentes do inquérito (contra 60% no mês anterior) observou mais quedas do que aumentos de preços, justificadas pelo decréscimo na procura.

O relatório registou que os promotores imobiliários reportam, no geral, quedas de preços menos acentuadas do que os mediadores, sugerindo que o “mercado para construção nova, ainda que sob pressão, se está a aguentar ligeiramente melhor do que o de usados”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.