Membros da família de Usama bin Laden morrem em queda de avião no Reino Unido


 

AOnline/LUSA   Internacional   1 de Ago de 2015, 12:11

Membros da família do ex-líder da Al-Qaida Usama bin Laden estão entre as vítimas da queda de um avião privado no Reino Unido, indicou hoje a Embaixada da Arábia Saudita em Londres.

Quatro pessoas morreram depois de o aparelho, um Phenom 200, da Embraer, se ter despenhado numa leiloeira de automóveis no sul de Inglaterra, quando tentava aterrar no aeroporto de Blackbushe, em Hampshire, cerca de 60 quilómetros a sudoeste de Londres.

A inspetora-chefe da polícia local, Olga Venner, afirmou que “havia quatro pessoas a bordo, incluindo o piloto”, indicando que “infelizmente, não houve sobreviventes”, mas que “em terra ninguém ficou ferido”.

Numa mensagem divulgada via Twitter, a embaixada saudita apresentou as condolências “aos filhos de Mohammed Bin Laden (pai de Bin Laden) e seus familiares após o grave acidente do avião que transportava membros da família”.

A mensagem não especifica a identidade das vítimas.

A embaixada referiu ainda que vai colaborar com as autoridades britânicas nas investigações ao acidente e repatriar os corpos para a Arábia Saudita.

Bin Laden, fundador e líder da organização terrorista Al-Qaida, foi morto pelas forças especiais norte-americanas, no Paquistão, em 2011.

Segundo a autoridade de aviação civil saudita, o avião estava registado neste país. Por seu lado, a BBC noticiou que o aparelho tinha descolado do aeroporto italiano de Malpensa, em Milão.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.