Banca

Malparado das famílias sobe 58 ME em Fevereiro


 

Lusa / AO online   Economia   22 de Abr de 2010, 11:31

O crédito das famílias considerado de cobrança duvidosa aumentou 58 milhões de euros de Janeiro para Fevereiro, com o maior aumento a verificar-se nos empréstimos pedidos para outras finalidades que não habitação e consumo, indicou esta quinta-feira o Banco de Portugal.
Os números hoje divulgados mostram um aumento total no malparado das famílias de 58 milhões de euros (segundo mês consecutivo a subir), sendo que mais de metade deste aumento está ligado aos créditos pedidos para 'outros fins', cujo malparado aumentou 31 milhões de euros, quando o crédito concedido subiu apenas 9 milhões de euros.

No total, o crédito considerado de cobrança duvidosa em Fevereiro atingia já os 3.849 milhões de euros, 2,77 por cento do valor emprestado às famílias, diz o Boletim Estatístico.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.