Tecnologia

Mais de metade das famílias portuguesas tinham Internet em 2010

Mais de metade das famílias portuguesas tinham Internet em 2010

 

Lusa/AO online   Nacional   29 de Dez de 2011, 17:11

Mais de metade das famílias portuguesas tinha em 2010 um computador em casa e estavam ligadas à Internet, quando há três anos apenas um terço dos agregados familiares dispunha destes meios, revela hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).
Cerca de 59,5 por cento das famílias portuguesa possuía, em 2010, um computador na sua habitação e 53,7 por cento estava ligada à Internet, segundo os últimos indicadores sociais publicados pelo Instituto de Estatística português.

No entanto, em 2007, as famílias com computador em casa ascendiam a 48,3 por cento, enquanto as que estavam ligadas à Internet representavam 39,5 por cento, indica em comunicado o INE.

Em 2010, cerca de 50,3 por cento das famílias tinha banda larga, contra 30,4 por cento três anos antes.

Lisboa, Algarve, Madeira e os Açores destacavam-se por serem as regiões que tinham acessos a computador e a ligações à Internet em casa, superando a média nacional.

Já o Centro e o Algarve sobressaíam por serem as regiões que apresentavam uma menor taxa de penetração de computadores e de ligações à Internet, estando mais afastadas da sociedade da informação e do conhecimento.

O INE realça também o aumento em 2010 da proporção daqueles que, entre os 16 e os 74 anos, utilizaram a Internet para fins comerciais, sendo que a compra de viagens e alojamento continuou a ser dos serviços mais solicitados (40,6 por cento), seguindo-se os serviços de telecomunicações (34,5 por cento), a encomenda de livros, revistas e material de e-learning, bem como as roupas e equipamentos desportivos, ambos representando 31,2 por cento.

Em 2010, cerca de 91 por cento dos jovens, entre os 10 e os 15 anos, utilizou a Internet, o que representou uma percentagem superior ao uso do telemóvel (86,7 por cento).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.