Mais de 30 mil condutores multados por falta de inspeção

Mais de 30 mil condutores multados por falta de inspeção

 

LUSA/AOnline   Nacional   15 de Ago de 2012, 13:51

Mais de trinta mil condutores foram multados por falta da inspeção periódica obrigatória dos veículos no primeiro semestre do ano, contraordenação que aumentou cinco por cento em relação ao mesmo período de 2011.

Dados divulgados à agência Lusa pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) indicam que as forças de segurança multaram 32.562 condutores por falta da inspeção periódica obrigatória nos primeiros seis meses do ano, mais 1.607 autos do que no primeiro semestre de 2011, quando se registaram 30.955 infrações.

A tendência de aumento do número de contraordenações por falta de inspeção periódica obrigatória registou-se já em 2011, quando as multas aumentaram cerca de 25 por cento relativamente a 2010.

De acordo com a ANSR, em 2011 foram levantados 60.995 autos, enquanto em 2010 registaram-se 48.913 contraordenações por não sujeição do veículo a inspeção periódica obrigatória.

Segundo o Código da Estrada, o montante mínimo da multa é 250 euros.

Outra das contraordenações que também está a aumentar é por falta de seguro obrigatório de responsabilidade civil.

Os dados da ANSR referem que a PSP e a GNR multaram 12.179 condutores no primeiro semestre deste ano falta de seguro obrigatório, mais 1.989 do que no mesmo período do ano passado, quando levantaram 10.190 autos.

A ANSR adianta que as forças de segurança registaram um total de 23.345 contraordenações por falta de seguro em 2011, coima que tem o montante mínimo de 500 euros.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.